Cássia Eller – o musical reestreia hoje em São Paulo

Texto e fotos: Amanda Cipullo

Depois de uma temporada de grande sucesso nos teatros do CCBB, o musical sobre Cássia Eller reestreia em palcos maiores. O espetáculo, que conta com patrocínio do Banco do Brasil, estará em cartaz de 04 de junho a 2 de agosto, no Teatro das Artes, no shopping Eldorado.

Quer saber mais sobre? Então segue o texto e vem com a gente!

IMG_7085

Logo nos primeiros minutos da coletiva de imprensa, já ficou clara a impressionante semelhança de Tacy de Campos, protagonista da peça, com o Cássia Eller. Quieta, talvez um pouco tímida; fala pouco, mas quando fala, é precisa em suas palavras. Da pra perceber que há muita personalidade ali e, claro, não poderia ser diferente. A curitibana, na verdade, não era atriz, mas sim cantora e, justamente por conta de um video no qual interpretava as músicas cantadas por Cássia, foi chamada para fazer a audição para o papel.

Por falar nisso, rolou um pocket show durante a coletiva, então, para quem ainda tem dúvidas do poder vocal de Tacy, está aqui a prova!

Tacy diz que nunca foi “fã para caralho” de Cássia, mas por ter uma voz muito parecida com a dela, acabou fazendo alguns tributos em sua homenagem. Mal sabia ela que esses tributos a levariam para muitos outros palcos. E, bem, se engana quem pensa que a protagonista é a única com raízes musicais! Segundo Emerson Espindola, que interpreta Nando Reis na peça, todo o elenco tem uma relação muito forte com a música.

IMG_7091

Durante o bate papo com a imprensa, o que ficou extremamente claro, foi o intenso carinho que os diretores têm por Cássia Eller, dando-nos a impressão de que isso tudo é uma maneira de velhos amigos retratarem a vida de alguém que admiravam e amavam, e, por consequência, retratarem suas próprias vidas, já que alguns deles tem personagens que os representam no espetáculo. Vale ressaltar também que essa “reunião entre amigos”, não deixa de ser extremamente profissional e recheada de pessoas talentosas na equipe.

João Fonsceca diretor ao lado de Vinícios Arneiro, esteve envolvido também nos musicais de Tim Maia e Cazuza, porém, para ele a diferença desses outros, para o de Cássia, é que aqui foi possível retratar a essência da cantora. Confesso, só de ouví-lo falar, já da vontade de assistir a peça, independente de ser fã ou não de Cássia Eller,

Tivemos a oportunidade de perguntar a equipe como é a sensação de interpretar pessoas personagens reais, que ainda estão na ativa e, eventualmente, podem ir ao teatro para se verem representados no palco. A resposta foi unanime: é difícil, e existe uma preocupação muito grande em não ultrapassar alguns limites, por mais que a arte dê uma certa licença poética para determinadas coisas. Thainá Gallo diz que durante o processo de ensaios, pode estar em contato com a pessoa real que inspirou sua personagem, já que Lan Lan, percussionista e amiga, que tocou e conviveu muito com Cássia, trabalha na direção musical do espetáculo. E, o que poderia parecer assustador para muitos atores, para Thainá foi uma maneira de compreender melhor os jeitos e trejeitos de sua personagem e, além disso, aprender a tocar cajon.

IMG_7114

Já noo final da coletiva, fomos presenteados como uma história bonita de Lan Lan  sobre a relação de Cássia com a música flamenca, vertente que as aproximou, e sobre o show que fizeram com duas música de Camarón de La Isla:

“A gente se apresentou na mesma noite que o grupo do Rubem Dantas, o cara que instituiu o cajon no Brasil (…) E eu me lembro que nessa noite a Cássia tava nervosa ‘meu deus, eu vou cantar na mesma noite que os caras do flamenco’. E ai, acho que a gente fez um barulho tão grande, principalmente ela, cantando Camarón, que depois todos os caras do flamenco vieram ao camarim, me perguntando: ‘me apresenta esse cara que cantou Camarón de La Isla’, ai eu disse que não era um cara, era uma mulher, e ela era o nosso Camarón! (…) Ironicamente, essa é a música que a Tacy mais gosta de cantar no musical. Não há quem tire essa música do repertório”.

De arrepiar, não é?

SERVIÇOS:

Cássia Eller – O Musical

Teatro das Artes – Shopping Eldorado

Temporada: 4 de junho a 2 de agosto (não haverá apresentação nos dias 9 e 12 de junho)

Horários: quintas e sextas às 21h30, sábados às 21h e domingos às 20h

Ingressos a partir de R$ 50,00: quinta-feira (R$ 80,00), sexta-feira (R$ 90,00), sábados e domingos (R$ 100,00)

Classificação: 14 anos

Duração: 135 minutos

Confira as outras fotos da coletiva de imprensa na nossa fanpage: Casos de Rock n’Roll: Cássia Eller – O musical

Sobre a autora

Amanda Cipullo
11760115_10203186896352189_9001298901733721022_n
Editora de (e do) Casos, formada em publicidade. Jornalista por acaso; atriz e escritora por paixão.
Acredita que pedras que rolam não criam limo, e é esse tipo de história que relata por aqui.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s