Shows de última hora são mais legais. Burlesca, Moondogs e Os Infames no DaLeone

Texto: Aline Rizzato
 Fotos: Aline Rizzato / Amanda Cipullo

Eu acredito que shows de última hora são sempre mais legais. Quando você espera muito por alguma coisa vai criando expectativas e muitas vezes se frusta por ter fantasiado demais. O que aconteceu no Da Leoni dia 26, última quinta-feira, foi assim. Digo, não a frustação, mas fomos convidados de última hora e foi muito melhor que eu imaginava. (cêis, tem que acompanhar meu raciocínio, viu?).

O convite, mais uma vez foi da Cristianne Pradella (Teti ou Cris para os íntimos). A Cris é a organizadora do Base Rock, logo vocês saberão mais sobre essa parada.

O dia foi do rock autoral, só pra avisar, o Casos de Rock n’ Roll e as Resenhas da Aline não seriam nada sem essa galera que FAZ rock n’ roll. Eram 3 bandas, a já conhecida (pelo menos por mim) Burlesca, Os Infames e MoonDogs. O show foi o encerramento de um festival chamado Dale Rock na qual a MoonDogs foi a banda vencedora.

A primeira banda a se apresentar foi a Burlesca. Com a energia de sempre, encantou os fãs de hard rock e apresentou algumas músicas novas além de tocar as do EP Reflexo Inverso. Os fãs e amigos cantavam e vibravam junto com os meninos. Aliás, grande beijo para Judaz Mallet, um dos guitarristas da Burlesca pelos seus 22 anos (mentira, ele fez muito mais anos, mas eu não acreditei e pronto).

IMG_1790

No repertório, as antigas: Deu a Hora, Porta Aberta, Ver de Novo e Reflexo Inverso deixavam o público cada vez mais entusiasmado.

Conheça mais o trabalho da Burlesca clicando aqui

Depois do hard rock, foi a hora do soul contagiar o Da Leoni. Os Infames (já me ganharam pelo nome) mostraram que suas influências brasileirísticas são enraizadas e souberam mesclar tudo de uma forma incrível e não infame.

Tim Maia e Robertão são as maiores referências do som dos caras. A simplicidade e o gingado fazem parte do show e como dizia o grande síndico: Quem não danças segura a criança! Foi isso que eu fiz no show dos Infames.

Saiba mais sobre  Os Infames aqui também

IMG_1878

E para fechar a noite, os MoonDogs. A banda dos meninos engravatados mostrou que estilo e boa música podem sim andar juntinhos. Os meninos já tem uma boa história por aí, foram convidados por Jake Bugg para abrir o show. Que louco né? Tudo bem se você não conhece esse cara, a questão é que os caras são novinhos e já fazem a diferença. Tiveram um ideia de tocar em um caminhão. Tipo food truck, só que rock truck. Com influências de Jhonny Cash, Elvis, The Police e Steve Wonder a classe não ficou só por conta deles. Tivemos um convidado mais que especial naquela noite. O vocalista dos Moondogs, Johnny Franco é o espermatozoide que venceu a corrida de Moacir Franco! Sim! Ele mesmo, que muito carinhoso tirou várias fotos e conversava com quem chegava perto. Sem contar com a hora épica do show: Moacir sentou em frente ao palco para ouvir Ringo of Fire que o filho fez só na voz e violão. Parabéns aos meninos! Parabéns a todos que participaram dessa noite incrível que rock n’ roll sem (muitas) cópias.

Entre no mundo The Moondogs

IMG_1958

 

Sobre a autora

Aline Rizzato

20150513120723
A mesmice nunca foi meu forte, mas o rock n’ roll… Ah! Ele sim. Por ele faço loucuras. É por isso que escrevo as resenhas da forma como vejo. Acredito que quem cultiva o mesmo, não cresce. Conhecer, ver e amar. Tudo por ele. Tudo pelo Rock n’ Roll. Prazer, Aline Rizzato. E não repare a bagunça.

Anúncios

3 comentários Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s